Área do Cliente
FGTS: Saque previsto para segunda ainda não tem calendário e agora?

Já faz mais de um mês que o governo anunciou a liberação do saque emergencial de até R$ 1.045 (valor do salário mínimo) do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) durante a crise do novo coronavírus, que poderá ser feito entre a próxima segunda-feira (15) e 31 de dezembro. No entanto, às vésperas do início do prazo, a Caixa ainda não divulgou o calendário de pagamentos, nem deu detalhes sobre como o dinheiro poderá ser resgatado.

Questionados pelo Valor Investe, a Caixa e o Ministério da Economia afirmaram que os procedimentos para o pagamento do saque emergencial do FGTS serão divulgados “em breve”.

O acesso ao dinheiro ocorrerá de forma escalonada, em sistemática semelhante à usada para pagamento do auxílio emergencial, segundo o jornal O Globo. A ideia é evitar filas. Na prática, o modelo deve atrasar a possibilidade de saque do recurso em espécie.

A possibilidade de sacar dinheiro do FGTS interessa tanto aos trabalhadores que estão com as contas apertadas como àqueles que veem no resgate uma oportunidade de aumentar a carteira de investimentos.

O governo anunciou o saque emergencial por meio da Medida Provisória 946, em função da pandemia do coronavírus. O que se sabe até agora é que os saques poderão ser feitos entre 15 de junho e 31 de dezembro deste ano e seguirão um critério de mês de aniversário para pagamento. Terá direito a sacar até R$ 1.045 do FGTS todo trabalhador que tem saldo na conta ativa – do emprego atual – ou inativa – de empregos anteriores. Cada trabalhador terá direito a um saque, independentemente do número de contas. Veja aqui como consultar o saldo do FGTS.

Ao todo, são mais de 60 milhões de brasileiros com contas do FGTS, dos quais 20 milhões não têm conta em banco e, nestes casos, vão receber o crédito em conta digital. A medida deve injetar até R$ 36,2 bilhões na economia. Para 30,7 milhões de cotistas, a liberação fará com que a conta do FGTS fique zerada.

Fonte: jornalcontabil.com.br | 10/06/2020.